Social Icons

sexta-feira, 12 de junho de 2009

Os meus filhos

Hoje apetece-me falar dos meus filhos! São o centro do meu mundo, preocupo imenso com eles. Mais um ano lectivo que está a acabar e mais um que está aproximá-los da vida de adulto, não é nada fácil gerir dois filhos adolescentes por mais compreensíveis que queiramos ser. Muitas vezes tento pôr no lugar deles, principalmente do meu filho mais velho, que está na fase pré-adulto e então pensa que já sabe tudo e mais alguma coisa, que já comanda na própria vida...há dias que me parece estar tão certo naquilo que quer e há dias que não, parece um bebé grande à espera que a gente lhe diga para fazer isto ou aquilo, mas quando isso acontece, revolta-se e fica de trombas, não é fácil não! Cada um é como cada qual, o meu mais novo é diferente, parece ser mais certinho e ainda bem, mas também tem o seu feitiozinho que se calhar ainda é cedo para definir alguma coisa. Estamos em épocas de exames, pelo menos para o meu mais velho, o rapaz anda num relaxe incrível, gostava de ser como ele, mas não consigo, por vezes dou-me a pensar e a analisar o seu comportamento, talvez ele é que esteja certo...quem sou eu para dizer que sim ou que não? Quando foi a minha altura, não portei melhor que ele e se calhar estou mais preocupada com isso agora! Tenho que mentalizar que a vida é dele, e por mais que eu queira é a ele que cabe controlar e construir aquilo que quer, por mais que nós os pais dizemos, sugerimos ou obrigamos não passa mesmo de ser uma sugestão e controlo fisico, os filhos têm que ter a vontade e a satisfação para o fazer, para o concretizar. Falta mais duas semanas o mínimo, espero não ter que repetir a segunda fase desta vez com ele como foi no ano passado, que stress, mas se tiver que ser, lá estaremos, muitas vezes penso, não me ouves, não trabalhas, não quero mais saber!!! Mas é impossível, estamos cá mesmo para isso, para os orientar, por mais chateados que um dia estivemos, tudo passa, são fases da rebeldia que todos nós já tivemos, é verdade! Espero que na faculdade ele se aplique mais, pois será algo que ele gosta, que tem mais a ver com a personalidade, penso que estou preparada para que ele vá e continuar com o seu caminho na vida. Que Deus o abençoe e ainda temos muito pela frente!

Sem comentários:

 

As visitas em numeros

Ocorreu um erro neste dispositivo