Social Icons

sexta-feira, 24 de outubro de 2008

Empregada Doméstica

Mais um fim-de-semana se aproxima, é habitual fazermos a limpeza da casa aos sábados para deixarmos tudo limpo e arrumado para a semana que se avista.

Não é trabalho que goste muito de fazer, custa começar mas como adoro ter a casa limpinha, arrumada, com o cheirinho a fresco, no final de cada limpeza a satisfação é total e penso para comigo que valeu a pena o esforço!

Saudades do tempo em que tinha empregada doméstica para fazer esse tipo de trabalho, deixava-me a casa limpa todos os dias, roupa engomada e devidamente arrumada nas gavetas e nos armários, era um descanso.

Claro, foi nos bons tempos em que as empregadas filipinas eram fáceis de arranjar, na terra longínqua Macau. Cá também experimentamos umas senhoras, mas nada se compara à minha velha L., pois é, até parece mentira mas cheguei à conclusão que é preciso ter muita ´escola´ para ser uma boa empregada doméstica, fazer as lides de forma correcta não é tão fácil como pensava. Agora entendo como muitas pessoas se queixam em como é difícil arranjar uma boa empregada, é verdade!

As empregadas domésticas já não são o que eram, pelo menos nesse canto do mundo. As de cá preferem cozinhar do que limpar ou engomar. Tive uma que até era boa rapariga mas bruta à brava, separar as roupas pelas cores para pôr na máquina era um sacrifício e arrumá-las no armário quase impossível, cheguei a etiquetar as roupas e os armários e nem assim ela acertava, depois eram umas peças no vertical e outras na horizontal, uma barafunda. Uma outra que faltava sempre que lhe dava na cabeça ou ficava sentada a folhear revistas, só mexia quando dizíamos para fazer qualquer coisa, enfim…depois de experimentar meia dúzias delas em alguns anos chegamos à conclusão que nada melhor do que não depender dos outros e mãos à obra, mesmo para evitar a burocracia, pois para ter empregada aqui, é preciso contrato de trabalho, segurança social, etc..etc..uma chatice para além do dinheiro que é pago e ainda sermos mal servidos.

Afinal de contas, com uma boa organização não é assim tão difícil viver sem uma empregada doméstica, somos bem capazes de trabalhar e tratar da casa ao mesmo tempo, basta ter coordenação e apoio mutuo de toda a família.

Pior foi quando começamos a fazer as limpezas, começamos também a verificar as peças de bibelôs que estavam partidas, mobílias riscadas e o mau estado em que deixaram os equipamentos de limpeza.

Mais um fim-de-semana aproxima, vou a correr limpar a minha casinha para depois usufruir dela limpinha e cheirosinha, afinal temos de zelar por aquilo que é nosso e porque não aproveitar também para fazer algum exercício físico, juntar o útil ao agradável.

3 comentários:

Anónimo disse...

Após a última empregada doméstica que nos deu prejuízos irreparáveis resolvemos não contratar outra. Elas furtam, mentem e estragam o que não podem carrgar.Estamos investindo em equipamentos. Dedicamos o dinheiro que seria para o pagamento de salário, vale transporte, comida, INSS e eventuais prejuízos que ela causava e revertemos mensalmente para a compra de equipamentos inclusive alguns comprados no exterior que mesmo com o imposto ainda é mais barato do que confiar em algumas empregadas domésticas que enfernizam e dilapidam o nosso patrimônio. Notei que não importa o quanto se pague e o quanto se dê de benefícios elas não conseguem não estragar ou não furtar. É como se fosse um direito delas de se apropriar dos nossos bens qualquer que seja, como provar? Decidimos fechamos uma vaga de trabalho definitivamente.

Gotícula disse...

Infelizmente é isso mesmo que sentimos também, é trabalharmos um pouco mais aos fins de semana mas pelo menos há paz de espírito e sempre restam umas coroas para outras extravagancias no final do mês ;)

Anónimo disse...

Concordo, elas nao tem especializacao nenhuma a nao ser quebrar coisas e estragar, querem salarios altos, melhor do que de muita gente com formacao e bilingue e vivem falando dos direitos, mas na nossa hora de exigir, NADA! Assim que meu bebe crescer um pouco so terei diarista e investirei em uma casa moderna e bem equipada como fora do Brasil onde se faz tudo sozinho.

 

As visitas em numeros

Ocorreu um erro neste dispositivo